MANIFESTAÇÃO DO TRANSTORNO DEPRESSIVO EM INDIVÍDUOS COM ALTERAÇÕES NO CICLO CRONOBIOLÓGICO: UMA ANÁLISE SISTEMÁTICA

VI Jornada de Medicina do Centro Universitário Aparício Carvalho – FIMCA / Psiquiatria e Saúde Mental, 25 a 29 de Outubro de 2021

DOI:

https://doi.org/10.37157/fimca.v8i3.432

Palavras-chave:

Depressão, insônia, sono

Resumo

Introdução: O sono tem grande importância no ciclo cronobiológico dos seres humanos, e caso haja uma desregulação deste, pode haver alteração em todo o ritmo biológico, como o ciclo sono-vigília. Apesar das pessoas serem controladas por um relógio biológico interno, suas preferências do sono e da vigília são diferentes, ou seja, estimula uma disposição maior em certo período do dia, com isso o relógio biológico é desregulado e as informações e memórias que aconteceram ao decorrer do dia são afetadas. Ademais, a associação com excessiva secreção de cortisol pode acarretar transtornos de humor, que vão por sua vez, ser um importante indicador na avaliação do subsequente desenvolvimento da depressão. Além disso, o descanso indevido pode causar consequências, como irritabilidade, fadiga, déficit de concentração e de memória. Objetivo: Expor sobre a relação do ciclo cronobiológico e transtornos depressivos, diante dos atuais estudos do sono e sua influência nas alterações hormonais. Instruir sobre a importância de uma boa qualidade de sono e a correlação com a qualidade de vida. Metodologia: Para tanto, foi utilizado uma pesquisa bibliográfica, por meio das principais ferramentas online de busca de artigos científicos em português, como: Scientific Eletronic Library Online (Scielo) e PubMed, no intervalo de 2005 a 2017. Resultados: Foi observado ao longo do estudo, que alguns hormônios relacionados à rotina, como o cortisol, hormônio do estresse, e a melatonina, hormônio do sono, podem ser desregulados caso haja a troca de turnos. Em contrapartida, a insônia é um dos transtornos do ciclo circadiano mais observados em indivíduos com distúrbio mentaldevido a alteração do sono REM, visto que o mesmo auxilia no bem-estar psicológico e emocional. Outrossim, constatou-se também, que a alteração do nível de cortisol sérico é um fator contribuinte para o desenvolvimento da depressão. Conclusão: Por fim, a pesquisa demonstrou que a desregulação do ciclo cronobiológico têm um importante papel no desencadeamento de transtornos emocionais, hormonais e psicológicos, como a depressão, ansiedade e distúrbios de humor. 

Publicado

2022-05-17

Como Citar

MANIFESTAÇÃO DO TRANSTORNO DEPRESSIVO EM INDIVÍDUOS COM ALTERAÇÕES NO CICLO CRONOBIOLÓGICO: UMA ANÁLISE SISTEMÁTICA: VI Jornada de Medicina do Centro Universitário Aparício Carvalho – FIMCA / Psiquiatria e Saúde Mental, 25 a 29 de Outubro de 2021. (2022). REVISTA FIMCA, 8(3), XXXI. https://doi.org/10.37157/fimca.v8i3.432

Edição

Seção

Resumos de Eventos / Conference Abstract